alexander-dugin
Aleksandr Dugin

Aleksandr Dugin é um dos homens que tornou estratégica a visão originária russa em uma ideologia que unia nacionalismo identitário, tradicionalismo cristão e patriotismo. Os conservadores nunca deixaram de ver que tal visão era meramente conciliadora de vertentes que até então pertenciam ao antigo espírito da União Soviética.

Dugin viaja ao redor do mundo inteiro tentando aglutinar pessoas para sua “cruzada” em favor do “perfeito cumprimento da maior revolução da história, enquanto continental e universal”. Segundo ele, “esta Última Revolução é tarefa do Acéfalo, do portador da Cruz, da Foice e do Martelo, coroado pelo Sol da Suástica Eterna.” (Cfr: Aleksandr Dugin, em Le Prophète de l’ Eurasisme, Edição Avatar, 2006, p. 147).

O que muita gente não sabe é que essa corrente foi uma das responsáveis pelos atos diretos de racismo e violência de Charlottesville, de autoria da corrente chamada “alt right”, que nega o conservadorismo natural.

Em explícito aproveitamento do renascimento da direita nos Estados Unidos, Dugin parece ter utilizado de figuras como Matthew Heimbach e Richard Spencer para entorpecer a fome por uma estética baseada nos valores da civilização ocidental. Exceto um único ponto… que essa civilização é branca!

Contudo, hoje focaremos no movimento Tradicionalist Youth Network ou Tradicionalist Worker Party, movimento liderado por Heimbach, um fanático pelo tradicionalismo russo.

tumblr_static_8lej6qfhtoo4gscsk00c08ock

Primeiramente, você pode claramente perceber que o símbolo da TYN remete à suástica eurasiana. Porém, a influência dugiana parece ir além do mero símbolo: está nos princípios.

images (13).jpg
Alguns cartazes do movimento trazem alusão clara à corrente de Dugin.
images (14)-1.jpg
Sem comentários…
images (15).jpg
Meme do TYN com Putin.
images (12).jpg
Heimbach leva o símbolo eurasiano no lugar da suástica.
unnamed.png
Acho que não precisa de legendas…
Comentários